INSPIRAÇÃO

Um sentimento mal acomodado na mente provocou a inspiração para a criação da Escola de Associativismo. Por que havia recuado e não encarado a luta como sempre fiz ? Razoes cristalinas indicavam a correção da decisão mas o espirito de luta relutava em aceitar. Estava deixando uma posição de diretor numa associação nacional de alta relevância. Precisava encontrar um outro campo de batalha para difundir meu sonho e praticar minha crença no aperfeiçoamento do associativismo.

 

Uma vasta experiência de mais de 40 anos em sindicatos, federações e confederação, em associações nacionais, estaduais e municipais, em câmaras e institutos, precisava ser compartilhada. E com certeza poderia trabalhar para que milhares de outros atores, como eu, também pudessem participar deste compartilhamento. O caminho de cima para baixo já havia sido explorado. E o caminho de baixo para cima ainda não. E a ideia da Escola de Associativismo apareceu. Uma escola para todos os envolvidos no associativismo mas, em especial, prioritariamente, para aqueles que estão iniciando esta jornada em associações. Estávamos em novembro de 2013.

 

Superados alguns mal-entendidos, receios, a ideia foi transformada em um projeto e a estratégia de convencimento foi alterada. Por ironia, decidimos tratar o tema de cima para baixo. Quase um ano após, foi realizada uma apresentação para o Presidente Marcos Guerra da FINDES e para o Vice Presidente para Assuntos do Centro de Apoio aos Sindicatos da FINDES Egidio Malanquine, que já conhecia a ideia. Outra apresentação foi realizada para todos os presidentes de sindicatos filiados a FINDES. Foi garantido finalmente pelo Presidente da FINDES a provisão de um quarto dos recursos previstos para a fase inicial do projeto e os trabalhos começaram em maio de 2015. Uma semente está sendo lançada, acompanhada de uma esperança muito grande de que seja agente de grandes transformações no associativismo de uma maneira ampla, ambiciosa ao longo do tempo.

 

Estamos na estrutura do IEL-Instituto Euvaldo Lodi, unidade de produção do Sistema FINDES responsável também pela capacitação empresarial e cujo Vice Presidente para Assuntos é Aristoteles Passos Costa Neto. Temos um Conselho Gestor para avaliação e decisão dos temas mais relevantes da escola.

 

O inicio da caminhada está feito. Temos um longo caminho pela frente, bem sabemos, mas o que motiva, o que estimula, é a convicção que neste caminho vamos encontrar inúmeras oportunidades para transformar para melhor o associativismo, ferramenta indispensável para uma sociedade organizada forte, condição fundamental para a existência de um estado democrático eficiente na geração de riqueza e bem estar para todos.

Sergio Rogerio de Castro
Diretor da Escola de Associativismo

A ESCOLA DE ASSOCIATIVISMO se fez presente neste formidável evento pelo seu Presidente do Conselho de Gestão, Sergio Rogerio de Castro e pelo membro da Auditoria e colaborador voluntário, Ronald Carvalho. De 10 a 12 de agosto último a ASAE Associação Americana de Executivos de Associações celebrou o seu centenário de maneira inusitada, virtualmente.

Tudo estava marcado para acontecer em grande estilo no Mandalay Bay Resort and Casino de Las Vegas mas a pandemia do Covid19 não permitiu. Hora de mostrar competência. Os dirigentes da ASAE então decidiram que o evento seria virtual, não de qualquer maneira mas o melhor que fosse possível fazer. E foi um grande evento, diferente, rico em conteúdo, em soluções para dar ao participante a sensação de estar num evento presencial.

Dezenas de palestras foram oferecidas aos congressistas, a esmagadora maioria sobre Associativismo mas também sobre outros temas de grande atualidade. Fornecedores de associações tinham o seu Hall de Exibições virtual, e toda uma estrutura para proporcionar contatos entre os cerca de 14.000 participantes. Muito conteúdo, um evento inesquecível que teve em uma das suas últimas palestras uma definitiva frase para expressar o que acontecia: ASSOCIATIONS MATTER (ASSOCIAÇÕES IMPORTAM), em consonância com o movimento de igualdade racial que está envolvendo os Estados Unidos neste momento.

Objetivo do evento online é promover oportunidades de negócios, além de ampliar o networking dos empresários

A Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) realiza no dia 10 de setembro, às 7h30, através de uma plataforma online do Sebrae, uma Rodada de Negócios para seus associados. O objetivo é promover oportunidades de negócios, ampliar o networking dos empresários e remodelar o formato dos Núcleos Setoriais, transformando-os em Conselhos Setoriais, potencializando a ferramenta base associativismo na instituição.

De acordo com a Rafael Zanin, diretor de Fomento da ACIPG, a instituição é uma organização de empresários que buscam o desenvolvimento de sua cidade, mas que atua também na promoção de relações comerciais, através de network entre os associados. “A premissa do associativismo é a ajuda mútua na consolidação e expansão dos negócios”, explica.

O gerente institucional da ACIPG, Gilmar Denck, explica que para participar da Rodada de Negócios será necessário visitar o Conselho Setorial do segmento da empresa interessada, como também se filiar à ACIPG.

“A Rodada de Negócios a se realizar dia 10 de setembro tem como objetivo atrair os empresários a fazerem negócios, mas principalmente repensarem o seu setor, e com isso, de maneira associativista fazê-lo crescer neste período de retomada”, explica Denck.

O diretor salienta que a adesão ao Programa Empreender cumpre este papel, pois oferece acesso a treinamentos comerciais, aprendizagem contínua entre empresários e oportunidades de networking e negócios com centenas de membros de associações em todo Brasil.

“Diante do cenário de pandemia a ACIPG acredita que a maneira de comprar, vender e negociar foi sensivelmente alterada, de forma que a capacitação e as relações comerciais estabelecidas na confiança pautarão o mercado em um futuro já presente”, finaliza Zanin.

 

Fonte: https://d.arede.info/ponta-grossa/336020/rodada-de-negocios-busca-fortalecer-associativismo-em-pg

Iniciativa foi escolhida entre boas práticas das Associações Empresarias de Santa Catarina.

A criação de espaços compartilhados na Associação Empresarial de Içara teve destaque na Jornada em Projetos da Federação das ACIs nesta quinta-feira, dia 27. O coworking implantado neste ano – com bancadas para trabalho, ambientes de reunião e auditório – foi um dos modelos escolhidos como boas práticas em Santa Catarina junto com iniciativas de São Bento do Sul, Blumenau, Rio do Sul, Concórdia e Orleans. A apresentação ocorreu de forma online.

Ao todo, 89 tripulantes fazem parte da jornada com o propósito de conectar pessoas, conhecimentos e experiências, além da captação de recursos. As atividades iniciaram em julho e seguirão até setembro. “Mais do que nunca precisamos gerar resultados com menos recursos. E toda a troca de experiência entre os palestrantes e participantes, além dos cases de sucesso e as boas práticas, estão gerando ideias, insights e motivação para buscar novas soluções em um novo mundo”, indicou o executivo da Associação Empresarial de Içara, Deinyffer Marangoni.

“A Jornada em Projetos, organizada pela FACISC Federação das Associações Comerciais e Industriais de SC, tem proporcionado muitos aprendizados entre as associações empresariais e a própria federação. Durante os encontros tivemos a oportunidade de desfrutar de momentos ricos de trocas de experiências, boas práticas e conhecimentos. Tenho certeza que o nosso sistema colherá bons frutos com esta trajetória, a partir da contribuição dos nossos tripulantes, inspirados e ainda mais motivados a transformar ideias em resultados”, pontuou a coordenadora, Letícia Nunes Varela Chierighini.

Colaboração: Lucas Lemos/Inoova Comunicação

Fonte: http://www.engeplus.com.br/noticia/geral/2020/coworking-da-associacao-empresarial-de-icara-e-apresentado-como-modelo-em-jornada-estadual

O empresário do setor de construção civil, Marco Antonio Corsini, assumiu nesta segunda-feira, dia 29, a presidência da Associação Empresarial de Joinville (ACIJ).

Ele sucede João Joaquim Martinelli que transmitiu a função durante reunião solene do conselho superior, realizada virtualmente.

A sessão tem a finalidade de dar posse aos membros dos Conselhos Superior e Deliberativo (2020/2022) e Fiscal (2020/2021), aos presidentes de Núcleos e coordenadores do programa Gestão Compartilhada, bem como da nova diretoria (2020/2021).

“É uma entidade que pode contribuir bastante para desenvolvimento de vários segmentos econômicos, vamos superar a pandemia, o desemprego e enfrentar a crise institucional dos poderes legislativos, executivo e judiciário. Mas vamos levar na bagagem a experiência dos que passaram”, destacou o novo presidente.

Sobre Marco Antonio Corsini: é empresário do setor de construção civil. Acumula a direção financeira da ACIJ, a vice-presidência do Sindicato Indústria Construção Civil de Joinville (Sinduscon), a vice-presidência Sul da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). Em 18 de junho de 2019 assumiu o Conselho da Cidade, órgão consultivo de leis e sobre urbanismo e mobilidade.

 

Fonte: https://www.economiasc.com/2020/06/30/marco-antonio-corsini-assume-presidencia-da-associacao-empresarial-de-joinville/
ACIJ