71% dos bares e restaurantes sofrem com dívidas, aponta associação | Prejuízo já teria passado dos R$ 341 bi

Quinze meses após o início da pandemia no Brasil, 71% dos estabelecimentos do segmento de “Alimentação Fora do Lar”, que incluem como bares e restaurantes, sofrem com o acúmulo de dívidas, conforme dados da Associação Nacional de Restaurantes (ANR).

Comerciantes relatam que, por causa do número reduzido de pessoas que consomem nos estabelecimentos, foi necessário implementar o sistema de entrega, o delivery. Mesmo assim, os lucros não aumentaram.

Esse é o caso da Quelma Bezerra, gerente de restaurante localizado na área central de Brasília. Ela relata que o movimento caiu muito e, para não fechar, foi necessário fazer empréstimos bancários.

Restrições

Para o presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, Alexandre Sampaio, o problema vai além da ausência de clientes. Também existem as restrições de funcionamento.

De acordo com dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, as atividades turísticas, que incluem o setor alimentício, já somam um prejuízo de mais de R$ 341 bilhões.


Fonte: Agencia Brasil

Mais Notícias


A crise mais cruel da história

por Mirocles Véras O Estado de S. Paulo.14 Jun 2022PRESIDENTE DA CONFEDERAÇÃO DAS SANTAS CASAS E HOSPITAIS FILANTRÓPICOS (CMB) A história da filantropia, no âmbito da saúde, é repleta de registros de dificuldades financeiras, subfinanciamento, dívidas e fechamento de Santas Casas e hospitais filantrópicos no Brasil. Os equipamentos de saúde que acolhem e atendem a […]


[NOVO] Associação Empresarial de SC não vai receber parlamentares que votaram a favor do Fundão

A Associação Empresarial de Araranguá, município do Sul de Santa Catarina, emitiu nota oficial nesta semana informando que não vai receber a visita de parlamentares que votaram a favor da derrubada do veto do presidente Bolsonaro, que estabeleceu o valor do Fundo eleitoral para 2022 em até R$ 5,7 bilhões. “ A ACIVA entende que aqueles […]


Guaramirim/SC 72 anos: jovens empreendedores potencializam networking e fomento do associativismo

  A base do associativismo é, em palavras mais simples, ajudar um ao outro. É essa a ideia que os participantes do Núcleo do Jovem Empreendedor (NJE) da Associação Empresarial de Guaramirim (ACIAG) fazem questão de frisar no que diz respeito ao objetivo dos encontros mensais. O coordenador do Núcleo, Wagner Theis, explica que a […]