Associação cria fundo para ajudar empresas de eventos corporativos durante a pandemia
Diário do Nordeste / 24 de Maio de 2021

 

A partir de doações, entidade patrocina eventos online de associados com cerca de R$ 3 mil; seis empresas já receberam o apoio

Um dos setores mais prejudicados pela pandemia, o segmento de eventos está praticamente parado há cerca de 15 meses. Para amenizar o impacto, a Associação Brasileira de Empresas de Eventos no Ceará (Abeoc-CE) criou o Fundo “Abeoc Vai dar Certo”, iniciativa que viabiliza patrocínios para eventos corporativos virtuais para associados.

Criado em meados de março, o fundo já beneficiou seis eventos com uma média de R$ 3 mil cada. Ao todo, há caixa para atingir 13 empresas entre maio e julho, conforme detalha a presidente da Abeoc-CE, Enid Câmara.

“O fundo foi criado com o intuito de ajudar os associados a minorar o sofrimento. Com exceção da minha empresa e da do vice-presidente, todos os outros associados que têm eventos corporativos online podem participar da seleção. Pode ser uma live ou evento maior, a gente quer mesmo é ajudar”, afirma.

 

INSCRIÇÕES

Ela explica que os recursos são liberados após seleção através de edital. Nesta segunda-feira (24), mais uma rodada de inscrições foi aberta para eventos que irão acontecer em junho e julho.

Os únicos critérios para participação das empresas são:

– Estarem associados à Abeoc-CE

– Estarem organizando eventos corporativos online, como seminários e workshops

– Divulgar a marca dos doadores em todas as peças de divulgação dos eventos financiados, inclusive no painel de fundo de palco

– Citar a marca do patrocinador em vinhetas durante o evento

– Mencionar os doadores em agradecimento no roteiro de apresentação do evento

As empresas podem ainda pleitear apoio em um evento por mês. Até o momento, todos os inscritos foram contemplados com os recursos, e uma nova rodada de beneficiados deve ser divulgada nesta sexta-feira (28).

A Abeoc-CE conta com a consultoria do especialista em políticas públicas Josbertini Clementino na elaboração dos editais e seleção dos participantes, bem como captação dos recursos.

 

DOAÇÕES

Enid explica que o fundo é formado por recursos provenientes da doação de empresas locais e cearenses. “Queria chamar atenção dos empresários que têm sensibilidade com o setor para apoiar o nosso fundo, a exemplo da Marquise e da Qair, para ajudar a salvar empresas e empregos”, apela a presidente da Abeoc-CE.

As contribuições podem ser feitas tanto por pessoas físicas quanto jurídicas, de forma anônima ou não, e em qualquer valor.

“Nossa intenção é apoiar com um valor até maior, mas vamos depender das doações. Até agora, temos em caixa reservas para os eventos até julho”, afirma Câmara. Caso tenha recursos suficientes, o fundo deverá seguir até dezembro.

As doações podem ser feitas através de transferência bancária para a conta da Abeoc-CE:

  • Razão social: Associação Brasileira de Empresas de Eventos – ABEOC Secção Ceará
  • CNPJ: 02.182.071/0001-88
  • Banco: Bradesco
  • Agência: 0682-3
  • Conta corrente: 62469-1
  • Para mais informações: 99909-0022 (Enid Câmara) ou 99239-5255 (Jorbertini Clementino)

Fonte: Diário do Nordeste

Mais Notícias


[NOVO] Guaramirim/SC 72 anos: jovens empreendedores potencializam networking e fomento do associativismo

  A base do associativismo é, em palavras mais simples, ajudar um ao outro. É essa a ideia que os participantes do Núcleo do Jovem Empreendedor (NJE) da Associação Empresarial de Guaramirim (ACIAG) fazem questão de frisar no que diz respeito ao objetivo dos encontros mensais. O coordenador do Núcleo, Wagner Theis, explica que a […]


[NOVO] Entrevista Anita Pires, presidente da FloripAmanhã: A gente só pode ser livre juntos

    A presidente da FloripAmanhã, Anita Pires, destacou em entrevista ao ND a força do associativismo no mundo atual, e como o trabalho é feito em Florianópolis. Membro da Academia Brasileira de Eventos e Turismo e uma referência do assunto na cidade, ela reforça que a necessidade de união é cada vez maior e […]


Ilha do Frade: projeto Ecofrade fomenta coleta seletiva e conservação ambiental

  Projeto vai implantar coletores e pontos de entrega voluntária em pontos estratégicos para atender moradores e visitantes da Ilha do Frade Conhecida pela beleza das praias e pelas áreas verdes ricas em fauna silvestre, a Ilha do Frade vai adotar a coleta seletiva. É o projeto “Ecofrade”, que visa promover a redução de resíduos […]